Um professor pode fazer a diferença na vida de uma criança!

  Ali estava ela, sentada num humilde sofá, pronta para acompanhar mais uma aula à distância.


Com o computador pousado sobre as pernas, que lhe havia sido entregue pela escola, acompanhava a aula online com grande atenção. Nunca tinha tocado num computador e naquele momento estava ali, a fazer e a ser parte desta era cada vez mais digital. 

 

 A contrastar com este desenvolvimento tecnológico, conseguia ver ao fundo alguns fios da eletricidade pendurados pelo teto, com instalações desenrascadas com o que havia por ali à mão.

 

 Era uma família numerosa e, ao longo da aula, ia passando por ali um ou outro familiar. Como o computador tinha o som ligado, por vezes sentavam-se ao seu lado a ouvir, a tentar perceber o que acontecia e o que se aprendia numa aula.

 

Quando o professor a questionava sobre algo, a família ficava atenta para perceber se ela sabia e respondia corretamente. A cada resposta correta, acompanhada por um reforço positivo do professor, percebia-se o orgulho desmedido que aquela família tem naquela criança.

 

Não me fazia confusão que a família estivesse presente. Todos aprendemos com todos. Da mesma forma que uma mãe dizia sobre algum conteúdo curricular "isto não sabia, hoje aprendi uma coisa", o professor também não sabia sempre tudo e por vezes as famílias ajudavam.

 

Tenho sempre algo a aprender com os mais novos. Ela fez-me continuar a acreditar que não há destinos traçados e que a escola pode mudar o rumo daquilo que seria o futuro de alguém. Eu podia fazer a diferença na vida dela....e na de todos.

 

Possivelmente se não fosse o tempo em que esteve comigo a aprender a mexer num computador pelo telefone (daqueles com teclas em que não é possível fazer chamadas de vídeo), talvez não tivesse conseguido participar nas aulas e teria ficado à margem.

 

É certo que os contextos socio-familiares que as crianças integram têm um peso muito grande sobre o futuro de uma criança. Mas o meu papel, enquanto professor, é permitir que todas as crianças tenham oportunidade para mudar um caminho que esteja pré-definido pelos contextos em que vivem.  A nossa missão é que todas tenham oportunidades para terem sucesso. Que tenham as melhores oportunidades.

 

A escola não pode ser um espaço e um tempo que acentue a exclusão. Todas as crianças têm direito ao melhor que o sistema educativo pode oferecer, independentemente do contexto social que integrem.


E é também aqui que os professores revelam a sua importância. Porque não desistem e fazem a diferença na vida de muitas crianças e jovens. Quando promovem a mudança de um caminho que lhes estava destinado. 


Um professor pode fazer a diferença na vida de uma criança. Aliás, mais do que isso, uma diferença para a vida toda!


Um professor do 1º Ciclo,

Fábio Gonçalves


Comentários

Mensagens populares deste blogue

PORQUÊ QUE AINDA HÁ CRIANÇAS DE 1, 2 ou 3 ANOS A PINTAR DESENHOS?

Carta aberta de uma criança a um Educador que faz a diferença

Um dia vamos mudar a Educação de Infância...