Um dia elas [as crianças!] vão ensinar-te...



Que o mundo cabe na palma da tua mão.
E que o mundo é tal e qual como elas o pintam.

Que o amor não cabe dentro de quatro paredes.
E o amor que sentem por ti quase que não cabe dentro do seu pequeno coração.

E quando não acreditares no amor…
Terás 25 crianças a amar-te um bocadinho todos os dias!
E a cada dia amar-te-ão mais.
E aí... não haverá forma de não acreditares.

Vão ensinar-te que os dias amargos também existem.
Mas em todos eles terás um sorriso puro e sincero à tua espera.
E que nos dias de chuva serás iluminada/o pelo brilho de cada uma!

Que mesmo fechadas todas as portas e todas as janelas…
Facilmente conseguimos viajar para outros “mundos”.
Pelos livros, pelas fadas, pela vida...

Que não tens 25 filhos.
Mas o amor que colocas naquilo que fazes é tanto, tanto!

Que aquela coisa a que chamas “birra” acaba com amor…
E com um abraço. Um doce e terno abraço!

Que tudo o que fazes é bem feito.
Porque elas confiam e acreditam em ti... Bem mais do que no Pai Natal! Por isto... merecem o melhor de ti!

Que as crianças não são todas iguais.
E não querem ser tratadas como “mais uma”.

E mesmo que nem sempre as ouças, elas querem ouvir-te.
Todos os dias.
Desde a chegada até à hora da saída... irão sempre ouvir-te.


E sabes porquê?
Porque em todos os momentos estarão lá contigo.
Para ti.
Todos os dias.
E nunca te hão-de esquecer!

Porque te amam!

Um Educador de Infância,
Fábio Gonçalves

Comentários

Mensagens populares deste blogue

PORQUÊ QUE AINDA HÁ CRIANÇAS DE 1, 2 ou 3 ANOS A PINTAR DESENHOS?

Carta aberta de uma criança a um Educador que faz a diferença

Um dia vamos mudar a Educação de Infância...